Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Polícia leva cinco facadas

Dois irmãos e um primo estão a ser julgados no tribunal de Lamego por terem esfaqueado um agente do Corpo de Intervenção (CI) da PSP durante uma rixa de rua.
1 de Abril de 2013 às 01:00

O elemento policial foi golpeado por cinco vezes e, apesar de ter sofrido lesões irreversíveis que afetam o desempenho profissional, ainda se mantém ao serviço.

António Fernando Santos, a vítima, tem 38 anos, e está no CI da PSP há 14. A 26 de julho de 2010, segundo o próprio contou ao CM, estava de férias em Gouviães, no concelho de Lamego, quando lhe pediram ajuda por causa de uma desordem. "Era um grupo de cinco jovens, todos da família Terrelos, que estavam a meter-se com várias raparigas", explicou o agente ao CM.

António interveio de imediato, "apelando à calma". No entanto, mal o fez, foi logo ameaçado com uma faca por um dos jovens. "Com a família Terrelos ninguém se mete", ouviu dos cinco jovens o agente do CI. A tensão aumentou, até que António Santos foi agredido com a primeira facada no abdómen. "Embrulho-me com os cinco e levo pelo menos mais quatro facadas", acrescentou o agente.

A vítima sofreu uma lesão numa perna e teve os intestinos perfurados. Os cinco agressores fugiram, mas foram identificados depois pela GNR. Nenhum, no entanto, passou até hoje pela cadeia por causa deste crime. "Estive internado 10 dias e de baixa dois meses. Perdi muito sangue e, se não fossem amigos a tirar-me dali, pressinto que me tinha acontecido algo pior. Hoje continuo a trabalhar, mas sinto dificuldades na locomoção", descreve António Santos.

Dos cinco agressores, as autoridades apenas conseguiram reunir prova contra três. Desses, dois deles, irmãos, estão em prisão preventiva por crimes de tráfico de droga e tentativa de homicídio. A próxima sessão de julgamento está agendada para o dia 10 de abril.

lamego polícia rixa esfaqueados julgamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)