Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Polícia mata-se a tiro dentro da esquadra

Um agente da PSP de Almada, de 51 anos, suicidou-se ontem de manhã com um tiro de pistola no pescoço, disparado dentro da camarata da esquadra do Pragal, onde prestava serviço. Este foi o segundo suicídio na PSP desde o início do ano.
2 de Fevereiro de 2011 às 00:30
Orlando Pires tinha 51 anos e suicidou-se numa camarata da esquadra do Pragal, Almada. O agente ainda foi assistido pelo INEM, mas veio a falecer na sequência do disparo
Orlando Pires tinha 51 anos e suicidou-se numa camarata da esquadra do Pragal, Almada. O agente ainda foi assistido pelo INEM, mas veio a falecer na sequência do disparo FOTO: Pedro Catarino

Orlando Pires, o polícia falecido, era natural de Miranda do Douro e residia na Torre da Marinha, Seixal. O agente, com cerca de 27 anos de trabalho na Polícia, estava colocado na secção informática da esquadra de trânsito da PSP de Almada. O trabalho que desempenhava era de introdução de dados de contra-ordenações rodoviárias no sistema informático da PSP, para posterior processamento das multas. "Era um trabalho de responsabilidade, que ele nunca falhou", disse ao CM fonte policial.

Ontem de manhã, como era seu hábito, Orlando Pires chegou cedo ao trabalho. "Ele chegava sempre às 07h30, para entrar às 09h00", acrescentou o mesmo informador.

O polícia foi tomar o pequeno--almoço com colegas, mostrando até boa disposição. Único sustento da família, constituída pela mulher, dois filhos (de 21 e 16 anos) e neta de um ano, o polícia acumulava dívidas. Ontem, antes de entrar no trabalho, Orlando Pires foi à caixa multibanco verificar se já tinha recebido um empréstimo bancário.

A provável ausência do mesmo terá levado a que entrasse na camarata, se sentasse, e desse um tiro com a pistola de serviço debaixo do queixo. O INEM ainda o assistiu, mas Orlando Pires faleceu dentro da esquadra.

orlando pires psp almada esquadra arma de serviço
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)