Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Polícia que baleou MC Snake acusado de homicídio qualificado

O agente da PSP que atingiu mortalmente Nuno Rodrigues, mais conhecido por MC Snake, foi formalmente acusado de homicídio qualificado pelo Ministério Público.
17 de Junho de 2010 às 19:55
É desconhecido o motivo pelo qual MC Snake tentou fugir à polícia
É desconhecido o motivo pelo qual MC Snake tentou fugir à polícia FOTO: Manuel Moreira

Na acusação, o Ministério Público salienta a ocorrência de três disparos, um para o ar e dois na direcção da viatura do rapper, quando este tentava fugir a uma perseguição policial. Uma das balas perfurou o veículo, atingindo MC Snake nas costas, provocando a sua morte.

A revista ‘Sábado’ adianta que o documento faz ainda referência ao facto do agente da PSP não ter actuado dentro das normas legais para recorrer à arma de fogo.

A acusação, assinada pelo procurador Carlos Figueira, destaca que o agente agiu “ciente de que não se verificava, no caso concreto, nenhuma das situações legitimadoras do recurso a arma de fogo por agente policial”. As situações em que os polícias podem utilizar armas fogo são: perigo, fuga de alguém armado e com explosivos ou existência de reféns.

O caso ocorreu a 15 de Março, próximo do Instituto Militar dos Pupilos do Exército. A autópsia ao rapper não identificou álcool ou drogas, não sendo conhecido o motivo que levou à tentativa de fuga do músico que chegou a actuar com Sam The Kid.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)