Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Portalegre: 50 bombeiros combatem incêndio

Mais de 50 bombeiros de oito corporações do distrito de Portalegre combateram este domingo um incêndio no aterro sanitário da Valnor, empresa responsável pela reciclagem de lixo no norte alentejano, disse à agência Lusa fonte dos bombeiros.
30 de Maio de 2010 às 19:27

De acordo com o Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Portalegre, o incêndio, que se encontra dominado, está confinado ao espaço do aterro  sanitário, não havendo possibilidade de propagar-se a outras áreas da empresa. 

A mesma fonte sublinhou ainda que o alerta foi dado às autoridades às 14h00.  

O fogo foi combatido por 56 elementos das corporações de bombeiros de Fronteira, Alter do Chão, Monforte, Avis, Portalegre, Crato, Sousel e Ponte  Sôr e uma equipa de bombeiros profissionais (Canarinhos), auxiliados por 16 viaturas e um helicóptero pesado.  

Contactado pela Lusa o administrador delegado da Valnor, Pinto Rodrigues, explicou que as condições climatéricas nesta época do ano são "propícias"  aos focos de incêndio no aterro sanitário.  

"Quando nós inserimos os resíduos no aterro, nesta época do ano quando o calor começa a aparecer e há muita humidade, os próprios gases da biodegradação dos resíduos provocam o chamado biogás e muitas das vezes acontece uma auto-ignição", disse.  

Ver comentários