Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

PORTUCALENSE QUER DESTITUIR DIRECÇÃO

Os sócios da Cooperativa que dirige a Universidade Portucalense, no Porto, vão realizar esta manhã uma Assembleia Geral (AG), cujo ponto único da ordem de trabalhos é a destituição da Direcção e do Conselho Fiscal da Cooperativa.
27 de Setembro de 2004 às 00:34
PORTUCALENSE QUER DESTITUIR DIRECÇÃO
PORTUCALENSE QUER DESTITUIR DIRECÇÃO FOTO: d.r.
A destituição tem que ser votada por dois terços dos cooperantes presentes na assembleia e, segundo informações reunidas pelo CM, é bem possível que a maioria vote nesse sentido. A reunião foi marcada só para hoje pelo presidente da AG, Costa Andrade, porque esteve durante algum tempo no estrangeiro.
A UP foi objecto de uma investigação pela Polícia Judiciária devido a suspeitas no seu funcionamento e tem graves problemas económicos e financeiros, que levaram a Direcção a interpor no Tribunal um processo de recuperação de empresas. Hoje haverá outra Assembleia Geral, que precede a da destituição, tendo como único assunto o processo de recuperação.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)