Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

PORTUGAL PREVINE PNEUMONIA ATÍPICA

Portugal actuou de uma forma muito positiva face à epidemia da pneumonia atípica, mas um confronto futuro com a doença exige que muitas das respostas sejam preparadas com antecedência, alertou fonte da Direcção-Geral de Saúde.
22 de Setembro de 2003 às 00:00
Respostas que começarão hoje a ser delineadas, numa reunião, a decorrer em Coimbra, entre os mais altos responsáveis pelo sector da Saúde.
"As linhas mestras do que poderá ser o próximo plano de contingência estão todas no plano do ano passado", pormenorizou Graça Freitas, responsável pela divisão de doenças transmissíveis da Direcção-Geral. Realçou, porém, que os mecanismos de prevenção devem consolidar-se “para que as coisas não sejam feitas à medida que as situações ocorrem”.
A pneumonia atípica, que surgiu em Novembro do ano passado no sul da China, é uma doença respiratória altamente contagiosa tendo afectado mais de 8400 pessoas em 32 países. Morreram 916 pessoas.
Em Portugal, apesar de alguns casos suspeitos, não se registou qualquer doente infectado com o vírus da pneumonia atípica.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)