Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Portugueses sentem-se inseguros

Pessimistas. É assim que os portugueses se sentem no que diz respeito à segurança. Os cidadãos sentem-se inseguros, sobretudo na rua. Esta é a principal conclusão do ‘Barómetro segurança, protecção de dados e privacidade em Portugal’, estudo que é hoje apresentado em Lisboa.
2 de Março de 2010 às 00:53

Neste trabalho, realizado junto de 800 pessoas, 55,5% consideram que a segurança piorou em 2009 e que a tendência vai continuar, já que 53,6% não acreditam numa melhoria. No entanto, apenas 36% admitem já terem sido vítimas de crimes. "As pessoas queixam-se mas não foram alvo de crime. Isso é típico. Muitas vezes a exposição mediática de certos casos acaba por influenciar as pessoas", analisou ao CM Paulo Pereira de Almeida, vice--presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo. "É preciso relativizar os dados. Os portugueses, por norma, sentem-se relativamente seguros". O estudo revela ainda que é na rua que os portugueses se sentem mais inseguros (47,4%) e que Portugal é um país pouco seguro (49%). Faro (64,3%) e Lisboa (50,8%) são as cidades com mais problemas.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)