Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Posto da GNR mete água

As más condições do Posto da GNR de Vila do Bispo estão a indignar a Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR), que considera a situação "insustentável".
5 de Outubro de 2008 às 00:30
Câmara já disponibilizou um terreno para a construção do novo quartel
Câmara já disponibilizou um terreno para a construção do novo quartel FOTO: Paulo Arez

O coordenador da APG/GNR - Região Su revelou ao CM que "chove dentro das instalações" e que "nas últimas chuvadas foi necessário pôr plásticos a tapar computadores e equipamento, e alguidares a aparar as goteiras". António Barreira, que esteve "entre 1996 e 2003" no posto, garante que "até dentro do gabinete do comandante chove" e afirma já ter visto "canis da cinotecnia da GNR com melhores condições" (ver caixa). Além disso, "devido às infiltrações há o risco de curto-circuitos e incêndios", frisa. "Toda a gente sabe o estado do imóvel mas nada foi feito para resolver o problema", acusa.

A governadora civil de Faro, Isilda Gomes, assegura que a Direcção-Geral das Infra-estruturas e Equipamentos já se reuniu com o presidente da Câmara, e este disponibilizou um terreno para o novo quartel. "A tutela está a preparar um protocolo a celebrar com a autarquia e calendarizar a obra no plano de investimentos nacional", assegura. O custo previsto é de 800 mil euros.

VISTORIA APENAS CLASSIFICOU CELA INOPERACIONAL

 Comparando as condições de Vila do Bispo com as dos canis da GNR, António Barreira não tem dúvidas sobre quem está melhor. Os cães, "após as patrulhas, podem repousar sem que a chuva lhes caia em cima, ao contrário do que acontece com os profissionais que ali [Vila do Bispo] estão colocados, e que utilizam as instalações para descansar, num espaço com 10 m2, equipado com três beliches e com uma única casa de banho, que têm de partilhar com o público". António Barreira estranha ainda que, numa vistoria às instalações, a cela tenha sido dada como inoperacional (detidos vão para Portimão ou Lagoa), mas a decisão não se tenha estendido ao resto do espaço.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)