Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Preço da água aumenta em Faro

O preço da água no concelho de Faro pode aumentar até 30 por cento, anunciou esta segunda-feira a empresa responsável pelo abastecimento, ressalvando que mais de metade dos consumidores não terá aumentos superiores a 1,06 euros.
5 de Março de 2007 às 17:50
Augusto Miranda, administrador da FAGAR, empresa responsável pela gestão do sector, afirmou que os aumentos entrarão em vigor ainda no mês de Março.
No anúncio, feito numa conferência de imprensa destinada a apresentar os resultados da auditoria externa ao modelo original da FAGAR, Augusto Miranda disse que o objectivo é corrigir os “erros de gestão” e os pressupostos não verificados que estiveram na origem das constituição empresa.
O administrador salientou no entanto que os mais penalizados serão os grandes consumidores.
Os aumentos mensais vão realizar-se da seguinte forma: 31 por cento dos consumidores que consomem até 20 metros cúbicos irão ter um aumento máximo de 4,6 euros na sua factura, enquanto 27 por cento dos que utilizam até 10 metros cúbicos vão pagar uma variação máxima de 1,6 euros.
Augusto Miranda garantiu ainda que os pensionistas com rendimento inferior a dois terços do salário mínimo nacional e consumos inferiores a cinco metros cúbicos, continuarão a beneficiar de isenção total de pagamento de água, saneamento e resíduos sólidos urbanos.
Segundo a ‘TSF’, o a decisão foi tomada depois de uma auditoria às contas da empresa municipal, solicitada pela própria autarquia, que sugeriu o aumento dos preços como a única hipótese para melhorar a situação financeira da FAGAR.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)