Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Predador fica preso

O alegado predador sexual, que sequestrou e violou uma menina de oito anos, em Cantanhede, vai aguardar julgamento em prisão preventiva. Ao fim de várias horas de interrogatório, no Tribunal de Cantanhede, o juiz aplicou, já depois das 23h00 de sexta-feira, a medida de coacção mais gravosa.

9 de Novembro de 2008 às 00:30
Menina ia a caminho da escola quando foi raptada pelo violador
Menina ia a caminho da escola quando foi raptada pelo violador FOTO: Ricardo Almeida

O operário fabril, que ao ser detido pela PJde Coimbra assumiu o crime, abordou a menina na manhã de quinta-feira, quando esta ia a caminho da escola. Obrigou-a a entrar para a bagageira do carro, um BMW, e seguiu para uma mata nas proximidades. Imobilizou o carro num local ermo, onde retirou a menina da bagageira e a colocou no banco de trás da viatura, para consumar a violação.

No fim, voltou a colocar a vítima na bagageira, vindo a abandoná-la próximo do local onde a tinha raptado. Segundo fonte da PJ, não proferiu qualquer ameaça na tentativa de impedir a criança de denunciar o sucedido.

Onze horas após o crime, o suspeito foi detido. Para a sua identificação, foi crucial a descrição pormenorizada feita pela vítima: quer do veículo, em concreto os objectos que se encontravam na mala onde esteve sequestrada; quer do suspeito. Fonte da PJ refere que a criança não conhecia o suspeito, mas admite que ele seguisse há vários dias os seus passos.

 

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)