Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Prédio em ruínas esmaga condutor

Eram 22h00 de quarta-feira quando Jaime Félix da Cunha, 57 anos, parou o carro para ceder a passagem a uma condutora, em Alcanhões, Santarém. Nesse preciso momento, ruiu a fachada do 1º piso de um prédio bastante degradado, soterrando o carro e o condutor, que morreu.

11 de Novembro de 2011 às 01:00
Jaime Cunha (foto pequena) parou o carro para ceder passagem e foi surpreendido pela derrocada do edifício. Morreu soterrado
Jaime Cunha (foto pequena) parou o carro para ceder passagem e foi surpreendido pela derrocada do edifício. Morreu soterrado FOTO: João Nuno Pepino

As operações de remoção do corpo de Jaime Cunha demoraram duas horas. A EN365, onde aconteceu o acidente, foi cortada ao trânsito. A vítima era solteira e até há um mês fez parte da direcção da Associação Popular de Alcanhões. Estava desempregada, após 30 anos de trabalho numa fábrica de alfaias agrícolas que fechou, e trabalhou um ano para a junta de freguesia, através de um programa do centro de emprego.

"Temos a lamentar a morte de alguém que todos estimávamos muito", referiu o presidente da Junta de Freguesia de Alcanhões, Luís Mena Esteves, adiantando: "Este acidente deve servir de alerta para os proprietários de outros imóveis na vila que estão em iguais ou piores condições. Lembrem-se de que o desleixo pode custar vidas humanas". Há um ano ruíram três casas devolutas na vila, na mesma noite, sem causar vítimas.

A família mais próxima de Jaime Cunha, irmãs e sobrinhos, está bastante transtornada. "Ninguém consegue entender como uma coisa destas acontece. É preciso ter um azar tremendo", lamenta o cunhado, José Inês, que tinha passado de carro pelo local da derrocada poucos minutos antes.

A Protecção Civil Municipal de Santarém ordenou a demolição do que resta do edifício, em cujo rés-do-chão funcionava um supermercado. n

SANTARÉM MORTE ÓBITO ESMAGADO DERROCADA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)