Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

“Preparei o plano para ele ser preso”

A alegada vítima de uma chantagem por parte do ex-companheiro garante que o rapto de que aquele é acusado não existiu e que foi ela quem lhe preparou uma cilada para ele ser preso. Tudo por ciúme, para se vingar dele por a ter trocado por outra, diz ao CM Fátima Antunes, residente na Figueira da Foz.
5 de Dezembro de 2010 às 00:30
Fátima Antunes
Fátima Antunes FOTO: Ricardo Almeida

Mas não é essa a convicção da PJ, que investigou, e do Ministério Público, que acusa o ex-companheiro de ter raptado um jovem de 22 anos, sobrinho de Fátima Antunes, e de o fechar num buraco para chantagear a tia e obrigá-la a dar-lhe 21 mil euros. "Fui eu que preparei o plano para ele ser preso e pedi ajuda ao meu sobrinho", assegura Fátima Antunes, de 34 anos. A versão contrasta com a descrição feita na Acusação dos momentos vividos pelo jovem ao ser encarcerado. Fátima nega também a intervenção do ex-companheiro na burla à seguradora: "Eu é que vendi a carrinha e dei-a como roubada e fui para o Peru com 21 mil euros."

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)