Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Presidente da República expressa condolências a família de pescador morto no mar

José Sousa Luís indicou que a embarcação de pesca se virou, devendo posteriormente ser posicionada e rebocada.
Lusa 29 de Setembro de 2022 às 13:23
O Presidente da República expressou hoje condolências à família do pescador falecido na Praia da Salema, Vila do Bispo, e lembrou os "perigos e dureza" enfrentados por quem trabalha no mar, merecedores de "respeito e admiração".

"O Presidente da República expressa as suas sentidas condolências à família do pescador falecido esta madrugada, na Praia da Salema, em Vila do Bispo. O Mar, património económico, histórico e cultural da Nação portuguesa, traz também perigos e dureza de vida aos concidadãos que nele laboram e que tanto respeito e admiração nos merecem", lê-se numa mensagem da Presidência da República.

Na nota, publicada na página oficial da Presidência na Internet, Marcelo Rebelo de Sousa "associa-se à dor dos que perderam um ente querido, um colega de faina ou um amigo, desejando votos de rápida recuperação aos cinco sobreviventes".

Uma pessoa morreu esta quinta-feira na sequência do naufrágio de uma embarcação de pesca ao largo da praia da Salema, no concelho de Vila do Bispo, no distrito de Faro, disse o porta-voz da Autoridade Marítima Nacional.

"Uma embarcação de pesca com seis pessoas a bordo naufragou hoje [quinta-feira] ao largo da praia da Salema. Cinco dos pescadores conseguiram nadar até à praia e estão bem. Uma outra pessoa inicialmente foi dada como desaparecida. Mais tarde foi encontrada em paragem cardiorrespiratória, tendo o óbito sido declarado", adiantou à agência Lusa o comandante José Sousa Luís.

José Sousa Luís indicou que a embarcação de pesca se virou, devendo posteriormente ser posicionada e rebocada.

Vila do Bispo Praia da Salema José Sousa Luís questões sociais morte
Ver comentários