Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Preso por esfaquear família

O homem de 30 anos que foi detido pela Polícia Judiciária de Coimbra depois de ter esfaqueado mãe e filho numa residencial em Coimbra está em prisão preventiva. O suspeito, um arrumador de carros, foi ontem ouvido por um juiz de instrução. O motivo do crime – que deixou as vítimas gravemente feridas, embora não corram risco de vida – terá sido a recusa de um cigarro.
21 de Setembro de 2012 às 01:00
Tentou matar por recusa  de um cigarro
Tentou matar por recusa de um cigarro FOTO: D.R.

A mulher trabalha e vive na residencial com o companheiro e com os filhos e já conheceria o suspeito de vista. As circunstâncias exactas do crime ainda estão a ser apuradas pela Polícia Judiciária que, no entanto, já ouviu a mãe e o filho atacados.

O homem foi entretanto indiciado por duas tentativas de homicídio qualificadas.

esfaquear família residencial arrumador de carros pj cigarro
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)