Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Preso por matar amigo por copo de vinho

Domingos Mendes, o guineense de 61 anos suspeito de ter morto um são-tomense com quem partilhava casa, em Mira- - Sintra, com um um golpe de tesoura, ficou em prisão preventiva por determinação do juiz de instrução criminal do tribunal de Sintra.
29 de Outubro de 2012 às 01:00
Homicida fica em preventiva
Homicida fica em preventiva FOTO: Jorge Godinho

O crime, recorde-se, ocorreu na madrugada de sexta-feira, quando Domingo e Anastácio Martins, a vítima, de 38 anos, começaram a discutir por causa de um copo de vinho. Na contenda, o agressor desferiu um golpe de tesoura que atingiu a vítima na fonte. Anastácio recusou, na altura, ir ao hospital e deitou-se na cama. Esvaiu-se em sangue e foi encontrado morto na tarde seguinte pelos outros dois companheiros de casa.

Após o alerta, a Polícia Judiciária deteve rapidamente o suspeito, que ontem recolheu à cadeia.

MORTE HOMICÍDIO MIRA-SINTRA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)