Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Preso por obrigar menor a vender-se

Homem, 61 anos, angariava mulheres para prostituição através de anúncios e ficava com metade do valor cobrado por sexo. Ficou em prisão preventiva.
26 de Fevereiro de 2014 às 11:45
Jovem de 15 anos residia num apartamento com duas adultas e todas se prostituíam
Jovem de 15 anos residia num apartamento com duas adultas e todas se prostituíam FOTO: Direitos Reservados

Dedicava-se à prostituição de mulheres há vários anos, já tinha cumprido pena por lenocínio agravado e foi anteontem detido pela PJ de Aveiro. No interior de um dos apartamentos que o homem de 61 anos arrendava em Anadia e Águeda para o negócio do sexo foi encontrada uma menor, de 15 anos, que o detido obrigava a prostituir-se. Ouvido em tribunal, ficou em prisão preventiva.

A vítima foi internada pelo Tribunal de Menores mas vivia naquela casa com duas mulheres adultas. Todas se dedicavam à prostituição e eram obrigadas a entregar ao detido metade do valor cobrado por cada serviço sexual.

A investigação da PJ partiu da queixa de uma das mulheres - todas elas em situação precária - que eram angariadas através de anúncios de jornal e distribuídas pelos apartamentos. Ficavam duas em cada casa. Após alguns meses de trabalho, a vítima terá dito ao homem que queria mudar de vida. Foi obrigada pelo detido a permanecer na casa que habitava e na qual se prostituía.

O arguido, que passava as noites nos apartamentos que arrendava para poder controlar o negócio do sexo, está indiciado por lenocínio agravado e lenocínio de menores agravado, além de coação pelo sequestro da mulher que apresentou a queixa. O detido já tem antecedentes criminais pelos mesmos crimes. Fazia deste negócio o seu modo de vida e anunciava os serviços de sexo em jornais. Vai aguardar julgamento na cadeia.

obrigou menor prostituição
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)