Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

PRESO POR VIOLAR MENOR DEFICIENTE

A Polícia Judiciária deteve um indivíduo presumível autor de crimes de violação, abuso sexual de crianças e abuso sexual de pessoa incapaz de resistência, ocorridos de forma continuada. O arguido foi ontem presente ao juiz de Instrução Criminal no Tribunal de Vinhais para interrogatório, tendo ficado detido preventivamente.
19 de Dezembro de 2002 às 00:00
A prisão ocorreu anteontem na zona de Lisboa, onde se refugiou após ter sido denunciada a última situação de abuso em que foi interveniente, mas os factos dos quais é alegadamente acusado ocorreram na região de Trás-os-Montes.

Por essa razão, a detenção do indivíduo pertenceu à Directoria do Porto da Polícia Judiciária, que levou o detido ao Tribunal de Vinhais, Bragança, para interrogatório.

O sujeito é um homem de 42 anos, solteiro, natural e residente em Vinhais, segurança de profissão, com antecedentes criminais por crimes contra a propriedade.
Segundo a Polícia Judiciária, contra o indivíduo existem fortes indícios de ter abusado sexualmente de, pelo menos, dois rapazes com idades compreendidas entre os 12 e 14 anos, sendo um deles portador de forte atraso mental.

A Directoria do Porto da PJ esclarece ainda que “das investigações realizadas apurou-se que o detido vinha desenvolvendo esta actividade há cerca de quatro anos, abusando do menor deficiente mental desde os dez anos de idade, habitualmente na sua residência”. De acordo com a Judiciária, as investigações vão prosseguir para o total apuramento da actividade delituosa.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)