Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Presos três horas no elevador do metro

Mobilizados perto de 40 elementos para resgatar dez pessoas na estação da Ameixoeira, em Lisboa.
João Carlos Rodrigues 17 de Maio de 2018 às 01:30
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Vítimas foram assistidas no local
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Vítimas foram assistidas no local
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Vítimas foram assistidas no local
Elevador avariado na Ameixoeira
Elevador avariado na Ameixoeira
Dez pessoas, entre elas uma idosa acompanhada pela neta, estiveram esta quarta-feira três horas presas num elevador da estação do metro da Ameixoeira, em Lisboa. Na origem do incidente esteve uma falha mecânica numa das roldanas que sustentam o cabo que liga a cabine ao contrapeso, que deixou o aparelho bloqueado entre as duas entradas.

Esta avaria terá acionado o mecanismo de segurança, que evita a queda da cabine – uma espécie de travão –, o que obrigou a várias horas de trabalho para libertar as dez pessoas encurraladas.

O alerta para as autoridades de socorro foi dado pelas 12h02, já depois de o Metro ter tentado resolver a situação com meios próprios e com a empresa que efetua a manutenção dos elevadores. No entanto foi necessário mobilizar o Regimento de Sapadores para apoiar a delicada operação. No total, estiveram envolvidos perto de 40 elementos no resgate, que terminou já depois das 15h00.

Segundo o CM apurou, ninguém ficou ferido, mas foi necessário ventilar o espaço e fornecer água às pessoas presas no elevador devido ao calor naquele espaço confinado. Devido à ansiedade das pessoas ali retidas, o INEM mobilizou também psicólogos para o local, que tentaram tranquilizar as vítimas enquanto decorria a operação de resgate.

De acordo com Helena Taborda, do Metro de Lisboa, "as pessoas foram retiradas e levadas para um espaço na estação onde receberam depois a assistência necessária". "A avaria obriga a uma intervenção profunda, pelo que o elevador vai ficar sem funcionar até que esteja totalmente reparado", acrescentou a responsável.

Apesar do susto, as vítimas acabaram por seguir viagem sem problemas de maior. A circulação na Linha Amarela, que liga o Rato a Odivelas, não sofreu qualquer perturbação devido a este incidente.

SAIBA MAIS 
1959
ano em que foi inaugurado o metropolitano de Lisboa. Na altura ligava os Restauradores ao Marquês de Pombal e aí dividia--se: em direção a Sete Rios e rumo a Entrecampos. No primeiro ano transportou 15,3 milhões de passageiros. Em 2017 foram mais de 161 milhões.

Londres foi o primeiro
O primeiro metropolitano do Mundo surgiu em Londres, em 1863, com comboios convencionais. Atualmente, o metro de Xangai, na China, é o maior do Mundo, com 393 estações ao longo de 644 quilómetros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)