Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

“Pressa é a grande inimiga da condução”

Tenente-coronel Costa Lima, Oficial de relações-públicas da GNR, sobre a operação Natal e Ano Novo 2011/2012
23 de Dezembro de 2011 às 01:00
“Pressa é a grande inimiga da condução”
“Pressa é a grande inimiga da condução” FOTO: DR

Correio da Manhã – Na última operação de Natal/Ano Novo foram registadas 11 mortes em acidentes de viação. O que espera a GNR para este ano?

Tenente-coronel Costa Lima – O sonho da GNR era não morrer ninguém em acidentes de viação, mas há ainda muitas vítimas na estrada. Contudo, os condutores portugueses estão a melhorar a postura ao volante. Desde o início do ano até hoje [ontem], temos menos 63 mortes na estrada do que em igual período de 2010.

– Quantos militares vão participar na Operação Natal/Ano Novo?

– De hoje a 26 e de 31 a 2 de Janeiro vão estar diariamente nas estradas do País cerca de 2100 militares, divididos por mil patrulhas.

– Em que estradas a GNR prevê um maior aumento de movimento?

– Os portugueses vão movimentar-se para o Norte e para o Interior, sobretudo por estradas nacionais.

– Que situações vão merecer maior atenção às patrulhas colocadas na estrada?

– A velocidade e o álcool, porque são potenciadores de muitos acidentes.

– A GNR vai adoptar uma atitude mais preventiva ou repressiva?

– A atitude é colaborar e auxiliar os condutores nos seus trajectos. Como as quadras de Natal e de Ano Novo são mais curtas, as pessoas vão querer chegar mais rapidamente aos destinos pretendidos.

– Que conselhos dá aos condutores durante esta época festiva?

– Não recuperem na estrada o tempo que perderam em casa. A grande inimiga da condução é a pressa.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)