Primark paga a cliente após humilhação em frente aos filhos em Gondomar

Homem foi acusado de pagar compras com uma nota falsa.
Por Ana Silva Monteiro|30.10.18
Um homem de 45 anos que foi humilhado na loja Primark exigiu o pagamento de 24 mil euros de indemnização, após ter sido detido pela PSP no centro comercial Parque Nascente, em Rio Tinto, Gondomar, por alegadamente ter tentado pagar a roupa para os filhos com uma nota de 50 euros falsa.

Primark condenada a pagar 1500 euros a cliente humilhado
O caso ocorreu em 2015 e seis meses depois veio a confirmar-se que a nota, afinal, era verdadeira.

A multinacional não apresentou qualquer contestação sobre o valor pedido e o Tribunal de Gondomar - que deu razão ao cliente - decretou o pagamento de uma indemnização no valor de 1500 euros. Manuel Ferreira não aceita o valor e vai recorrer da decisão.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!