Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Prisão preventiva para homem que aterrorizou namorada com pistolas apontadas à cabeça em Penafiel

Foi a mãe da vítima que apresentou queixa nas autoridades.
Ana Silva Monteiro 7 de Setembro de 2022 às 12:01
A carregar o vídeo ...
Prisão preventiva para homem que aterrorizou namorada com pistolas apontadas à cabeça em Penafiel
Um homem de 45 anos ficou em prisão preventiva por ser suspeito de ter agredido fisicamente e psicologicamente a companheira, em Penafiel. O suspeito chegou a automutilar-se em frente à namorada de 31 anos para a aterrorizar.

Apesar de o casal viver em casa da mãe da vítima, em Penafiel, as agressões físicas e psicológicas eram constantes. A mulher quis por várias vezes terminar a relação, mas o arguido automutilava-se à sua frente para a aterrorizar.

A mãe da vítima contou ao CM que o companheiro da filha costumava apontar-lhe pistolas à cabeça e até lhe chegou a espetar uma navalha na perna.

Apesar de morarem na mesma casa, só no último fim de semana é que a mãe soube do terror que a filha vivia. Levou-a para um sitio seguro e comunicou ao agressor que a relação entre os dois estava terminada. Foi a mãe da vítima que apresentou queixa nas autoridades.

A GNR deteve o agressor e apreendeu-lhe várias armas de fogo. Presente a um juiz de instrução criminal o suspeito ficou em prisão preventiva.
Penafiel crime lei e justiça questões sociais prisão polícia
Ver comentários