Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Prisão preventiva para suspeito de matar familiar em Elvas

Factos foram cometidos na véspera de natal do ano passado, já no final da noite.
Correio da Manhã 9 de Outubro de 2019 às 11:35
A carregar o vídeo ...
Factos foram cometidos na véspera de natal do ano passado, já no final da noite.

Um homem, de 28 anos, foi apresentado esta terça-feira pela Polícia Judiciária (PJ), em colaboração com autoridades espanholas, no seguimento do cumprimento de um Mandado de Detenção Europeu, no Tribunal Judicial de Elvas, por ser suspeito de ter sido o autor de um crime de homicídio com recurso a arma de fogo.

De acordo com um comunicado da PJ, "os factos foram cometidos na véspera de natal do ano passado, já no final da noite, num bairro social da cidade de Elvas, onde as duas famílias se encontravam em confraternização, causando uma vítima mortal, um homem de 57 anos de idade, tendo nessa altura o suspeito fugido para Espanha".

O mesmo documento enviado às redações dá conta de que "por razões de desavenças familiares anteriores, o detido, munido de uma arma de fogo, efetuou vários disparos na direção de uma viatura com a vítima e os seus dois filhos já no seu interior". 

Os filhos da vítima não foram atingidos "por mera casualidade", avança o comunicado. Sobre o homem, por causa disso, recaem ainda "fortes indícios da prática de outros dois crimes de homicídio qualificado na forma tentada e de detenção de arma proibida".

O detido já foi presente a primeiro interrogatório judicial. Ficou em prisão preventiva.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)