Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

PSP que matou a mulher autorizado pela cadeia a usar telemóvel

Manuel Contente matou a mulher a tiro, em 2009, no Cacém, e foi o primeiro parceiro de cela do ex-ministro Armando Vara.
M.C. 25 de Maio de 2019 às 09:19
Estabelecimento prisional de Évora
Cadeia de Évora
Cadeia de Évora
Estabelecimento prisional de Évora
Cadeia de Évora
Cadeia de Évora
Estabelecimento prisional de Évora
Cadeia de Évora
Cadeia de Évora
Manuel Contente, o agente da PSP de 51 anos que cumpre 18 anos de prisão, na cadeia de Évora, por ter matado a tiro a mulher, em 2009, no Cacém, e que foi o primeiro parceiro de cela do ex-ministro Armando Vara quando este ali deu entrada em janeiro, está autorizado pela direção a usar telemóvel.

O agente está num regime de detenção aberto. Ou seja, trabalha fora. Requereu à direção da prisão o uso de telemóvel nas deslocações ao exterior, o que foi autorizado. Os Serviços Prisionais confirmam esta situação, justificando-a com o facto de "o recluso estar a trabalhar fora da prisão, sem custódia".
Manuel Contente PSP Serviços Prisionais Évora Cacém Armando Vara crime lei e justiça prisão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)