Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Quatro alvejados em rixa com 300 pessoas em Lisboa

Ajuste de contas a tiro de caçadeira no bairro Padre Cruz. Feridos foram no próprio carro para o Hospital de Santa Maria.
Miguel Curado e Raquel Simões 7 de Agosto de 2020 às 01:30
Polícia esteve no bairro Padre Cruz mas já não conseguiu identificar os intervenientes. PJ investiga
Polícia esteve no bairro Padre Cruz mas já não conseguiu identificar os intervenientes. PJ investiga FOTO: Frederico Baptista/cmtv
Q uatro homens, entre os 27 e os 35 anos, foram esta quinta-feira alvejados a tiro de caçadeira durante uma rixa no bairro Padre Cruz, em Lisboa. A Polícia Judiciária já está a investigar as causas da desordem e a tentar identificar os autores dos disparos. Segundo o CM apurou, tratou-se de uma retaliação por outra desavença na noite de quarta feira.

O alerta para a PSP foi dado pelas 15h30. Sabe o CM que foram feitos vários telefonemas para esquadras da zona, alertando para uma desordem que envolvia 300 pessoas. A PSP enviou um dispositivo musculado para o local, mas à chegada nada encontrou. “Temos conhecimento de que foram várias as pessoas envolvidas. Desconhecemos o número porque quando chegámos ao local já nada estava a ocorrer”, relatou o comissário Artur Serafim, da PSP de Lisboa. “As quatro vítimas foram atingidas nos braços e pernas e deram entrada no Hospital de Santa Maria em viatura particular, sem ferimentos graves”, acrescentou.

A PSP conseguiu localizar o bloco de prédios, na rua Professor Francisco Pereira de Moura, onde ocorreu o tiroteio. A PJ foi chamada a investigar, com inspetores da secção de homicídios a palmilharem o terreno em busca de provas.
Lisboa Padre Cruz Polícia Judiciária PSP crime lei e justiça polícia tiroteio tiros
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)