Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Quatro detidos com droga

Três homens e uma mulher com idades compreendias entre os 23 e os 45 anos, foram detidos pela Guarda Nacional Republicana com elevadas quantidades de droga na sua posse, entre Paderne e Boliqueime.
15 de Agosto de 2007 às 00:00
Droga apreendida foi levada para o posto da GNR em Albufeira
Droga apreendida foi levada para o posto da GNR em Albufeira FOTO: d.r.
Os criminosos, três dos quais estrangeiros (naturais de Cabo Verde), tinham consigo 14 664 doses de heroína, 1021 doses de cocaína e ainda 1.629,6 gramas de produto de corte quando foram surpreendidos pelos militares do Núcleo de Investigação de Crimes de Droga do Grupo de Portimão da GNR.
As detenções foram o culminar de várias semanas de investigação que incluíram uma vigilância atenta dos suspeitos, cuja actuação, a partir da aldeia de Paderne, no interior do concelho de Albufeira, se alargava a várias localidades vizinhas, estendendo-se a uma zona pertencente ao vizinho município de Loulé.
A actividade dos três homens e da mulher detidos pela GNR estava a gerar grande insegurança junto das populações locais, face à presença regular de marginais e a um aumento da pequena criminalidade associada ao consumo de produtos estupefacientes.
A operação que levou à detenção do grupo contou com a participação de vários militares do Núcleo de Investigação de Crimes de Droga e ainda de uma força de intervenção rápida e de dois binómios de detecção de droga do Grupo de Portimão da GNR.
No momento da detenção os suspeitos tinham consigo, para além das significativas quantidades de droga já referidas, 11 telemóveis, duas balanças digitais de alta precisão utilizadas na venda de produtos estupefacientes, e uma considerável quantia em dinheiro: 11 124 euros e mais cinco libras inglesas.
Foram também apreendidas duas viaturas ligeiras, ao que tudo indica utilizadas na actividade criminosa do grupo.
Na altura das detenções dos três homens e da mulher, foram identificados e detidos dois outros indivíduos, estrangeiros, por permanência ilegal no nosso País. Não há indícios que apontem para a sua ligação ao grupo criminoso ou às suas actividades.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)