Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Quatro detidos ficam em prisão preventiva

Quatro dos cinco suspeitos, três homens e uma mulher, detidos após a apreensão de 28 quilos de heroína, a maior dos últimos 15 anos, ficaram em prisão preventiva, disse esta sexta-feira fonte policial à agência Lusa. A mesma fonte acrescentou que o mais novo, de 22 anos, ficou sujeito à medida de coacção de apresentações diárias na esquadra da área de residência. Os cinco envolvidos foram esta sexta-feira presentes a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Loures.
30 de Novembro de 2012 às 17:26

Dos cinco detidos, com idades entre 22 e 37 anos, quatro têm antecedentes criminais, três por tráfico de droga e um por roubo à mão armada. A única mulher do grupo não tinha antecedentes.

A PSP anunciou na quinta-feira a apreensão de 28 quilos de heroína, de valor aproximado de um milhão de euros, considerada pela força policial como a "maior apreensão" dos últimos 15 anos, e a detenção de cinco suspeitos. "Trata-se de uma operação assinalável no combate ao abastecimento de heroína à Área Metropolitana de Lisboa. Pela quantidade, pelo grau de organização que existia e pela sua disseminação, estamos em crer que será um corte substancial nesse fornecimento", explicou, na ocasião, o comandante da PSP de Loures.

 

 

PSP HEROÍNA APREENSÃO GRANDE LISBOA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)