Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Queda de avião faz dois feridos (COM VÍDEO)

Rui Caeiro, 36 anos, que terminava o curso de piloto de linha aérea – seguia com o instrutor Paulo Querido, de 43 anos – sofreu ontem o 11º acidente, neste ano, com aviões ligeiros. Sofreram apenas ferimentos ligeiros, mas engrossam as estatísticas que contam já com sete mortos nos primeiros sete meses de 2012. Rui Caeiro treinava uma manobra de aterragem, mas não controlou o aparelho. Caíram a um quilómetro da pista do aeródromo de Tires, em Cascais.
4 de Julho de 2012 às 01:00
Amigos e colegas de trabalho de Rui e Paulo acorreram rapidamente para o local onde o avião ligeiro caiu ontem, cerca das 12h00, na Quinta de Manique. Ficaram aliviados ao saber que estavam bem
Amigos e colegas de trabalho de Rui e Paulo acorreram rapidamente para o local onde o avião ligeiro caiu ontem, cerca das 12h00, na Quinta de Manique. Ficaram aliviados ao saber que estavam bem FOTO: Vítor Mota

"Só senti o avião a bater nas árvores e depois caiu a poucos metros de mim. O rapaz mais novo só gritava: ‘ajudem-me, ajudem-me’. Apesar dos nervos consegui ligar para o 112", contou ao CM António Gaspar, caseiro na Quinta de Manique.

Rui Caeiro, aluno na escola de formação aeronáutica AWA, com sede no aeródromo de Tires, saiu dos destroços da aeronave pelo seu próprio pé, mas o instrutor estava inconsciente quando os bombeiros chegaram ao local. "Foram os dois transportados rapidamente para o hospital. A seguir, a nossa grande preocupação foi cobrir as asas com espuma para evitar um incêndio", explicou José Costa, adjunto dos Bombeiros de Alcabideche, que comandou as operações de socorro. Ao início da noite de ontem, os dois feridos estavam internados no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, mas previa-se que tivessem alta já que o estado de saúde de ambos era considerado estável.

Segundo dados do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves (GPIAA), este ano são já onze os acidentes com pequenas aeronaves, com registo de sete mortos e dois feridos ligeiros. Em 2011, segundo o GPIAA, não se registaram acidentes mortais. Em 2010 registaram-se seis mortos e dez em 2009 . 

CASCAIS AERONAVE QUEDA PILOTOS OLIVAL
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)