Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Queda de ultra-leve na Comporta mata piloto

Paramotor despenhou-se numa zona rural. Piloto era um espanhol de 66 anos.
20 de Setembro de 2017 às 19:30
A pista agrícola do Cambado
A pista agrícola do Cambado FOTO: Google Maps
Um ultra-leve despenhou-se esta quarta-feira na zona da Comporta, concelho de Alcácer do Sal, provocando um morto. A vítima é um homem de 66 anos, de nacionalidade espanhola, que pilotava um paramotor- um parapente movido a motor.

Ao que o CM apurou, o sinistro terá acontecido junto à pista agrícola do Cambado, também conhecida como Aeródromo da Comporta, usada por aviões de pequena envergadura.

O acidente aconteceu por volta das 18h15 e a vítima será o piloto do ultra-leve.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Setúbal, confirmou à Lusa o acidente.

"Registámos a queda de um paramotor que causou a morte do seu tripulante. O caso ocorreu numa zona com uma pista agrícola e não causou mais danos", disse à Lusa fonte do CDOS.

Contactada pela Lusa, fonte oficial do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) indicou ter sido notificado da ocorrência, a qual, à luz da legislação portuguesa, é tratada como um acidente aeronáutico, acrescentando que vai proceder às diligencias necessárias com vista à realização da investigação.

De acordo com a página da Proteção Civil, por volta das 19h15 estavam no local 21 operacionais, apoiados por 9 veículos.

Um vizinho da pista conta ao CM que esta é usada sobretudo por aviões que lançam produtos químicos nos campos em redor. Um outro afirma ter visto dois paramotores a voar na zona esta quarta-feira.
Comporta Alcácer do Sal Cambado acidente morte avião queda desastre
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)