Recluso condenado a pena de 13 anos e meio por matar colega de cela

Tribunal de Coimbra deu como provado o crime de homicídio, que aconteceu em 2016.
18.02.19
Um recluso de 50 anos foi esta segunda-feira condeando a uma nova pena de 13 anos e meio de prisão, pelo homicídio do homem com quem partilhava a cela, no Estabelcimento Prisional de Coimbra.

O tribunal deu como provado que o réu asfixiou até à morte o companheiro de cela no Estabelecimento Prisional de Coimbra, em janeiro de 2016. "

Durante o julgamento, o agressor declarou-se inocente, mas os juízes deram provimento à acusação do Ministério Público.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!