Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Recluso condenado a pena de 13 anos e meio por matar colega de cela

Tribunal de Coimbra deu como provado o crime de homicídio, que aconteceu em 2016.
18 de Fevereiro de 2019 às 14:47
Estabelecimento Prisional de Coimbra
Estabelecimento prisional de Coimbra
Rede atua na cadeia de Coimbra
Estabelecimento Prisional de Coimbra
Estabelecimento Prisional de Coimbra
Estabelecimento prisional de Coimbra
Rede atua na cadeia de Coimbra
Estabelecimento Prisional de Coimbra
Estabelecimento Prisional de Coimbra
Estabelecimento prisional de Coimbra
Rede atua na cadeia de Coimbra
Estabelecimento Prisional de Coimbra
Um recluso de 50 anos foi esta segunda-feira condeando a uma nova pena de 13 anos e meio de prisão, pelo homicídio do homem com quem partilhava a cela, no Estabelcimento Prisional de Coimbra.

O tribunal deu como provado que o réu asfixiou até à morte o companheiro de cela no Estabelecimento Prisional de Coimbra, em janeiro de 2016. "

Durante o julgamento, o agressor declarou-se inocente, mas os juízes deram provimento à acusação do Ministério Público.
Estabelecimento Prisional Coimbra recluso condenado morte colega cela Ministério Público prisão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)