Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Recusada a ida para o Brasil de assassino

Marcus Fernandes, luso-brasileiro de 37 anos que foi condenado e cumpre 25 anos de cadeia por ter assassinado a tiro dois agentes da PSP da Amadora, na madrugada de 20 de março de 2005, deve ver recusado o pedido, que efetuou ao Ministério da Justiça, de cumprimento do resto da sua pena no Brasil.
13 de Janeiro de 2013 às 01:00
Cumpre 25 anos em Monsanto
Cumpre 25 anos em Monsanto FOTO: João Relvas/Lusa

Fontes judiciais disseram ao CM que o mau comportamento do recluso, que cumpre pena na cadeia de Monsanto, em Lisboa, é visto como o principal fator impeditivo, não obstante Marcus Fernandes já ter cumprido 1/4 (seis anos e meio) da pena de 25 anos que lhe foi imposta.

O luso-brasileiro quer ser transferido para uma cadeia do Rio de Janeiro, a cidade brasileira onde residem os pais.

LUSO-BRASILEIRO MORTE HOMICÍDIO BRASIL
Ver comentários