Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Risco de colapso leva a intervenção urgente na ponte do Almargem

Metade do dinheiro para a requalificação imediata da EN125 vai ser investido nesta obra, em Tavira.
Tiago Griff 30 de Abril de 2018 às 07:59
Piso da EN125 está muito degradado numa extensão de 38 quilómetros entre Olhão e Vila Real de Santo António
Piso da EN125 está muito degradado numa extensão de 38 quilómetros entre Olhão e Vila Real de Santo António
Piso da EN125 está muito degradado numa extensão de 38 quilómetros entre Olhão e Vila Real de Santo António
Piso da EN125 está muito degradado numa extensão de 38 quilómetros entre Olhão e Vila Real de Santo António
Piso da EN125 está muito degradado numa extensão de 38 quilómetros entre Olhão e Vila Real de Santo António
Piso da EN125 está muito degradado numa extensão de 38 quilómetros entre Olhão e Vila Real de Santo António
Metade da verba de um milhão de euros que a Infraestruturas de Portugal vai investir em obras consideradas urgentes em estradas da região - na sua maioria em troços da EN125 entre Olhão e Vila Real de Santo António - vai ser direcionado para uma intervenção na ponte do Almargem, em Tavira.

As obras justificam-se, segundo o autarca e também presidente da AMAL - Comunidade Intermunicipal do Algarve Jorge Botelho, pelo facto de a estrutura estar num elevado estado de deterioração e em risco de colapso.

A revelação foi feita no final da semana passada, durante uma sessão da Assembleia Municipal de Tavira, em que o Movimento de Cidadania de Utentes da EN125, que tem pressionado e alertado os governantes para a urgência de obras naquela via, em especial no Sotavento, interpelou Jorge Botelho sobre o assunto. Do investimento total, vão ser utilizados 250 mil euros numa extensão de 38 quilómetros "para tapar alguns buracos e melhorar a segurança". "Essa obra [da ponte] será definitiva, enquanto as outras são apenas para salvaguarda da segurança rodoviária até às obras definitivas", realça o movimento. Estas intervenções imediatas estão previstas começar já durante a segunda quinzena de maio.

Em pausa, devido à renegociação do contrato de concessão, continuam ainda as obras prometidas pelo Governo, um investimento de 18 milhões de euros para a requalificação de fundo de todo o traçado da EN125.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)