Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

ROBÔS DENTRO DE CASA

Limpar o pó ou servir café são exemplos de tarefas pouco agradáveis aos seres humanos que - não tarda muito - poderão ser executadas por robôs. A aplicação destes no espaço doméstico constitui, com efeito, uma das apostas fortes dos investigadores da área da robótica. Os mais importantes entre eles estiveram reunidos durante a semana em Lisboa no âmbito da X Conferência Mediterrânica sobre Controlo e Automação, que ontem terminou.
12 de Julho de 2002 às 22:37
O primeiro da geração de robôs de tipo doméstico é o aspirador - comercializado na Suécia e à beira de sê-lo na Alemanha - capaz de detectar o sítio onde está o lixo e ir até lá sem ajuda humana. O sueco Henrik Christensen, ‘pai’ deste aspirador foi um dos oito cientistas de topo a intervir na Conferência Mediterrânica sobre Controlo e Automação.

Segundo notou o investigador do Instituto Real de Tecnologia da Suécia, a utilização de robôs, até agora com ‘experiência’ quase exclusivamente no contexto da automação industrial, no espaço doméstico resulta do próprio perfil demográfico do mundo ocidental, caracterizado pelo envelhecimento da população. Um robô capaz de limpar a casa, servir as refeições e empurrar a cadeira de rodas seria decerto de grande utilidade a um idoso sem apoio familiar.

Sobre as características destes sistemas, Henrik Christensen é de opinião que “serão móveis, interagirão com os seres humanos e poderão ser programados por um cidadão comum.” Antes disso os custos de produção terão de baixar, caso contrário tais robôs não serão acessíveis à bolsa do cidadão comum. Não é esse, por enquanto, o caso do aspirador inteligente, ao serviço apenas de grandes empresas com ainda maiores espaços para limpar.

Com recurso a sonares e câmaras de visão, este aparelho é capaz de reconstruir o local onde opera. É por isso que não choca com as paredes nem com a mobília e, quando acaba de limpar uma sala, passa sem dificuldade à seguinte.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)