Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Roubam 70 mil euros e cofre de capela na Lousada

Coroa em ouro e pedras preciosas e cruz em prata furtadas.
José Eduardo Cação 14 de Novembro de 2019 às 09:05
Ladrões atacaram a capela de Nossa Senhora da Ajuda, em Nevogilde, ao que tudo indica na madrugada de terça-feira
Porta arrombada pelos ladrões
Coroa que é retratada nesta imagem estava no cofre e foi roubada
Ladrões atacaram a capela de Nossa Senhora da Ajuda, em Nevogilde, ao que tudo indica na madrugada de terça-feira
Porta arrombada pelos ladrões
Coroa que é retratada nesta imagem estava no cofre e foi roubada
Ladrões atacaram a capela de Nossa Senhora da Ajuda, em Nevogilde, ao que tudo indica na madrugada de terça-feira
Porta arrombada pelos ladrões
Coroa que é retratada nesta imagem estava no cofre e foi roubada
"Era a menina dos olhos de ouro da freguesia. Estamos todos em lágrimas." As palavras são do padre José Ribeiro da Mota, ainda em choque com o assalto cometido na capela de Nossa Senhora da Ajuda, em Nevogilde, Lousada.

Do crime, que teve lugar, ao que tudo indica, na madrugada da passada terça-feira, resultou o desaparecimento do cofre que continha a coroa de Nossa Senhora - em ouro e com pedras preciosas - e ainda outros objetos de arte sacra. A PJ do Porto está a investigar o caso.

"Vi a porta da capela arrombada e, lá dentro, outras abertas, inclusive da sacristia. Foi então que dei conta de que tinham levado o cofre", contou o pároco ao CM. O espaço religioso, que se encontra aberto apenas aos sábados para a missa vespertina, ficou também sem uma cruz em prata, com cerca de 150 anos, e outros bens. O valor do roubo "será superior a 70 mil euros".

"É surpreendente como conseguiram levar o cofre. Sempre me disseram que ele está há décadas ali. Pesa mais de 600 quilos e certamente foi preciso um grupo para o carregar", revelou o padre José Ribeiro da Mota.

Muitos populares souberam esta quarta-feira do roubo e ficaram bastante consternados, esperando, tal como o padre, que o material venha a ser recuperado pelas autoridades. "Espero que não derretam o ouro. A população ficou em lágrimas. É preciso muita maldade para uma coisa destas", vincou.

Naquela mesma madrugada, outro cofre também com um peso superior a 500 quilos foi furtado da Casa do Povo de Sobreira, em Paredes.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)