Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Roubam carros com reboque

O esquema era simples. Com recurso a um pronto-socorro, carros com ar de abandono, eram rebocados da via pública, sem conhecimento dos donos, para uma sucata, situada em Algoz, concelho de Silves, Algarve. Aí, as viaturas eram compactadas e, depois, vendidas ao quilo. Ontem, a PSP de Faro anunciou a constituição como arguidos de quatro homens por esse crime.
23 de Abril de 2010 às 00:30
Roubam carros com reboque
Roubam carros com reboque FOTO: Sérgio Lemos / Correio da Manhã

A polícia estima que tenham sido destruídas "largas centenas de viaturas", nesta actividade que se "estendia a todo o Algarve".

Nos últimos dois meses, o grupo estaria a centrar-se em Portimão, de onde estavam a desaparecer "misteriosamente, sem deixar rasto, veículos automóveis", refere a PSP. As queixas de proprietários acabaram por levar as autoridades a suspeitarem da sucata em Algoz.

No fim-de-semana foi detectado, em Portimão, um reboque referenciado. Foi interceptado e os dois ocupantes identificados. Os agentes foram, depois, à sucata, onde encontraram matrículas de carros já compactados e outros prontos para o serem. Aí foram identificados os outros dois homens.

PORMENORES

DENÚNCIAS

Moradores da zona onde se situa a sucata garantiram ao CM que ali se "comprava tudo e mais alguma coisa, sem grandes critérios e sem que fosse exigida qualquer documentação".

QUANTIDADES

Quando foi à sucata, a PSP encontrou "dezenas de chapas de matrículas" de carros já compactados e "40 viaturas furtadas em Portimão.

SEM COMENTÁRIOS 

O CM tentou obter uma reacção dos responsáveis da sucata, mas nenhum se encontrava quando os telefonemas foram feitos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)