Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Roubam milhares a candidata do PS

Ladrões levaram ouro, computadores e instrumentos musicais, avaliados em 10 mil euros. Fernanda Sousa afirma que o furto foi planeado ao pormenor
6 de Setembro de 2013 às 01:00
Fernanda Sousa apercebeu-se do assalto quando ergressou a casa já de madrugada
Fernanda Sousa apercebeu-se do assalto quando ergressou a casa já de madrugada FOTO: Francisco Manuel

A casa da cabeça de lista do PS à Junta de Fajões, Oliveira de Azeméis, foi assaltada anteontem à noite enquanto a candidata fazia a sua apresentação pública na sede de campanha. Fernanda Sousa, de 43 anos, acredita que o assalto foi planeado e os ladrões teriam um cúmplice a controlar o tempo em que iria estar na apresentação da sua candidatura. Os ladrões levaram ouro e vários objetos avaliados em mais de 10 mil euros. A GNR está a investigar.

"O furto foi premeditado e estudado", afirma Fernanda Sousa. "Habitualmente há sempre pessoas em casa e quando saímos ficam sempre os meus irmãos que vivem nas moradias ao lado, mas desta vez foram todos para ver a minha apresentação que tinha sido anunciada publicamente, por isso os ladrões sabiam que podiam estar à vontade", afirma a vítima. O assalto foi detetado cerca das 02h00 de ontem quando Fernanda regressou a casa com o marido e o filho.

"Quando entramos vimos a casa toda remexida e percebemos que tínhamos sido assaltados", explica a mulher.

Os assaltantes arrombaram uma janela com um pé de cabra e entraram na casa onde se movimentaram à vontade. Roubaram todo o ouro, dois computadores portáteis e duas malas de instrumentos musicais, uma delas com um trompete profissional. Nas imediações uma vizinha apercebeu-se de movimentos de um carro suspeito, mas não deu importância.

O caso está a ser investigado pela GNR que já esteve no local.

Fernanda Sousa Oliveira de Azeméis roubo casa ouro GNR
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)