Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Santo António possível para casais gays

Santo António, o santo casamenteiro, poderá ainda este ano servir de referência para o casamento entre pessoas do mesmo sexo, no âmbito dos matrimónios celebrados com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa. Ainda no mês de Junho organizações de defesa dos direitos dos homossexuais preparam a realização de bodas para o Arraial Gay, marcado para 26, em Lisboa.
16 de Janeiro de 2010 às 00:30
Câmara admite casamento
Câmara admite casamento FOTO: Jorge Godinho

'Embora o prazo para inscrição para as noivas de Santo António termine a 12 de Março, há a possibilidade de depois dessa data, e até 12 de Junho, caso a lei do casamento gay venha a ser promulgada, de serem celebrados na capital casamentos civis entre pessoas do mesmo sexo', referiu fonte da autarquia. 'Também no Arraial Gay estão em marcha os preparativos para a realização de bodas, se a lei o permitir', disse o presidente da Ilga, Paulo Corte-Real.

"PAR DO MESMO SEXO FAZ BEM EM IR REZAR A IGREJA": Padre Manuel Morujão Porta-voz do Episcopado

Correio da Manhã – Como vê a inclusão de casais gay em iniciativas co-participadas pela Igreja como os Casamentos de Santo António, em Lisboa?

Manuel Morujão – Cada coisa tem a sua identidade particular: o casamento católico é celebrado numa igreja; os outros serão noutros locais. Mas qualquer par do mesmo sexo que queira ir rezar a uma igreja deve fazê-lo. Só tem de respeitar o espaço. É evidente que não respeita as leis da Igreja.

– Igreja aceita casamento civil?

– Perfeitamente. O casamento civil é a forma como um casal que não tem fé ou que não professa a religião concretiza a união familiar.

– Que diferença faz a Igreja entre casamento civil entre sexos diferentes e com o mesmo sexo?

– A questão é antropológica e não religiosa. Lévi-Strauss, falecido há meses, estudou civilizações milenares e sempre o casamento foi entre sexos diferentes. Era complementar e favorecia a renovação das sociedades. Por isso merecia regalias. Quem tem fé pode ainda avançar com outros argumentos.

– Igreja e profano convivem?

– A preocupação é separar, mas compreendem-se as tradições.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)