Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Sardoal e Vila de Rei em risco máximo de incêndio

Dois concelhos de Portugal continental apresentam hoje um risco máximo de incêndio, o mais grave de uma escala de cinco, segundo o Instituto de Meteorologia.
21 de Junho de 2011 às 08:36
Risco máximo de incêndio é o mais grave numa escala de cinco
Risco máximo de incêndio é o mais grave numa escala de cinco FOTO: Nuno Fernandes Veiga

Os concelhos com risco máximo de incêndio são Sardoal, no distrito de  Santarém, e Vila de Rei, no distrito de Castelo Branco.  

Guarda é o distrito que tem mais concelhos com risco muito elevado de  incêndio, com nove, seguido de Viseu, com oito, Santarém, com seis, Bragança  e Coimbra, com quatro, Porto, Castelo Branco e Leiria, com três, Aveiro  e Faro, com dois, e Portalegre e Beja, com um cada um.  

 

 

Com risco elevado de incêndio, o terceiro mais grave de uma escala de  cinco, estão 15 concelhos do distrito de Viseu, 10 do distrito de Vila Real,  oito dos distritos de Bragança, Porto, Santarém e Faro e sete do distrito  de Castelo Branco.  

 

Estão igualmente com risco elevado de incêndio, seis concelhos dos distritos  de Coimbra, Leiria e Setúbal, cinco do distrito de Portalegre, quatro dos  distritos de Aveiro e Guarda, três do distrito de Viana do Castelo, dois  dos distritos de Braga e Évora e um do distrito de Beja.  

 

Na segunda-feira, a Autoridade Nacional de Protecção Civil contabilizou  59 incêndios, que foram combatidos por 505 elementos, apoiados por 127 veículos. 

 

  

As temperaturas máximas previstas para hoje serão de 30 graus Celsius  em Lisboa, 22º no Porto, 30º em Faro, 22º em Ponta Delgada, e 27º no Funchal. 

 

risco máximo de incêndio temperaturas elevadas Instituto de Meteorologia Sardoal Vila de Rei
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)