Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Secretário-geral do SIRP ouvido no parlamento sobre questão do Estado Islâmico

À saída da audição, Júlio Pereira não prestou declarações.
28 de Outubro de 2014 às 18:00
Júlio Pereira
Júlio Pereira FOTO: Pedro Catarino

O secretário-geral dos Serviços de Informações da República Portuguesa (SIRP) foi ouvido esta terça-feira durante cerca de duas horas na comissão parlamentar de Defesa sobre a questão do Estado Islâmico.

À saída da audição, que decorreu à porta fechada, o secretário-geral do SIRP, Júlio Pereira, não prestou declarações. Segundo fonte parlamentar, a audiência com Júlio Pereira foi especificamente sobre a questão do Estado Islâmico.

A questão do Estado Islâmico esteve na semana passada em foco depois de, numa entrevista à Rádio Renascença, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, ter feito declarações sobre portugueses envolvidos no auto-intitulado Estado Islâmico que quererão regressar a Portugal. Posteriormente, o Diário de Notícia relatou que essas declarações corresponderão a "informação secreta".

Na quinta-feira, o PS pediu a audição, à porta fechada, do chefe da diplomacia portuguesa no parlamento, por considerar "irresponsáveis" as declarações do titular da pasta dos Negócios Estrangeiros e diz que se poderá estar perante um caso de divulgação de informação sigilosa.

No dia seguinte, na sexta-feira, nas jornadas parlamentares conjuntas do PSD e do CDS-PP, Rui Machete afirmou não ter revelado "qualquer informação" que permita identificar os portugueses ligados ao grupo jihadista Estado Islâmico e manifestou-se disponível para ser ouvido no parlamento à porta aberta.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)