Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

SEF fiscaliza mão-de-obral ilegal

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) instaurou esta quarta-feira 16 processos de contra-ordenação contra empresas, no âmbito do combate à angariação e contratação de mão-de-obra ilegal.
7 de Maio de 2008 às 14:17

A operação que decorreu hoje no Carregado, com a colaboração com a Brigada de Trânsito da GNR, culminou na intercepção de 114 viaturas, onde foram identificadas 326 pessoas, das quais 125 eram estrangeiras.
Dos imigrantes detectados, 29 estavam em situação irregular. O SEF instaurou processos de contra-ordenação a 16 empresas, cujo valor mínimo é de 61.306 euros.
O SEF adiantou ainda que um cidadão estrangeiro apresentou identificação que não lhe pertencia, tendo sido detido e presente a tribunal competente.
Entre as 07h00 e as 10h30 da manhã, 14 inspectores do SEF e 16 elementos da BT fiscalizaram uma das principais vias de acesso ao Carregado. 

Ver comentários