Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

SEF sanciona empresa de Braga por mão-de-obra ilegal

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) instaurou esta terça-feira um processo contra-ordenacional a uma empresa de Braga, que recorria a mão-de-obra ilegal, na maioria estrangeira.
23 de Agosto de 2011 às 19:38

Em comunicado, o SEF adianta que a empresa incorre numa coima entre 4.820 a 24.074 euros por empregar cidadãos estrangeiros "não habilitados a exercer uma atividade profissional subordinada".  

Durante uma fiscalização à empresa foram identificados nove funcionários, oito dos quais estrangeiros.  

"Dos cidadãos estrangeiros identificados, dois foram detidos, um por permanência irregular e outro por desobediência à decisão de expulsão", explica o SEF.  

A operação de fiscalização, desenvolvida em colaboração com a PSP, enquadra-se num plano do SEF para "combate à imigração ilegal e criminalidade conexa, bem como a gestão e controlo dos fluxos migratórios", sublinha.   

braga sef mão-de-obra trabalho ilegal psp
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)