Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Seis anos para polícia pedófilo

O agente da PSP acusado de ter abusado sexualmente da enteada, na altura dos factos com sete anos de idade, foi condenado, ontem, no Tribunal do Seixal, a seis anos de prisão efectiva e ao pagamento de uma indemnização de 20 mil euros à família da menor.
5 de Julho de 2011 às 00:30
Agente da PSP condenado
Agente da PSP condenado FOTO: Vasco Neves

Condenado por oito crimes de abuso sexual e um de peculato de uso, que ocorreram entre 2006 e 2007, ao longo do julgamento L.T. apresentou sempre um "discurso de desculpabilização" e "não interiorizou a gravidade dos factos", acusou a juíza que o aconselhou ontem a procurar "tratamento médico".

O advogado dos pais da menor, Paulo Edson Cunha, disse ao CM que a "família sente que foi feita justiça". No entanto, realçou o facto de que a menor, agora com 12 anos, irá "ficar garantidamente mal, com sequelas para toda a vida". A jovem tem problemas de socialização e baixa auto-estima, lê-se no acórdão.

PSP PEDOFILIA PRISÃO SEIXAL
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)