Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Sem-abrigo produzem arte

Cidadãos sem-abrigo transformam-se em artistas e expressam através da arte o que é ser pobre: a obra colectiva é inaugurada hoje, no largo da Portagem, em Coimbra.
17 de Outubro de 2011 às 01:00
Sem-abrigo vão expor 365 obras de arte em Coimbra
Sem-abrigo vão expor 365 obras de arte em Coimbra FOTO: Paulo Novais/Lusa

Paulo, 47 anos, escreveu com giz branco no prato negro (que simboliza a pobreza) que ser sem-abrigo "é não ter uma telha, não ter pão, não ter cobertor". Esta é uma das 365 obras que compõem a exposição.

Intitulado ‘Levantados do Chão: Pratos Negros e Giz Branco’, o projecto, da Associação Hemisférios Solidários e com o apoio da Câmara de Coimbra, foi construído por pessoas sem--abrigo e em risco de exclusão, que registam os seus testemunhos sobre a situação precária em que se encontram.

A pernoitar há um mês no Choupal, Paulo explicou que a sua vida deu "uma volta de 180 graus" devido a problemas com "o banco e as finanças", que o levaram a abandonar a profissão de carpinteiro.

SEM-ABRIGO EXPOSIÇÃO ARTE OBRAS COIMBRA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)