Sepultado militar morto há 57 anos

Aquilino Gonçalves morreu a combater em 1961. Tinha 21 anos.
Por Fátima Vilaça|16.04.18
Sepultado militar morto há 57 anos
Foto Direitos Reservados
Aquilino da Silva Gonçalves, de 21 anos, morreu em outubro de 1961, em Angola, ao serviço do Exército português, mas só agora, passados quase 57 anos, os restos mortais do cabo do Batalhão de Artilharia 147 chegaram à terra natal.
Militar português morto em angola em 1961 enterrado em Portugal

O funeral, com honras militares, aconteceu este domingo à tarde em Ponte S. Vicente, Vila Verde. Otília Gonçalves, que, apesar de não ter chegado a conhecer o irmão, lutou mais de 20 anos para conseguir trasladar o corpo, lamentou a postura do Estado.

"Cumpri o desejo dos meus pais e isso deixa-me feliz, mas o meu irmão morreu a combater. Merecia ter sido honrado", atirou.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!