Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Sequestrado

Um enfermeiro, de 43 anos, apresentou ontem queixa na PSP de Matosinhos por, segundo relatou, ter sido sequestrado durante três horas no seu carro por quatro homens, durante a madrugada de ontem. O grupo roubou à vítima 150 euros, um computador e um telemóvel.
27 de Novembro de 2008 às 00:30
Os assaltantes não chegaram a consumar o carjacking
Os assaltantes não chegaram a consumar o carjacking FOTO: Mariline Alves

Segundo a vítima tudo começou quando regressava a casa, à 01h00, e seguia entre a avenida Sidónio Pais e o Nó de Francos, em Matosinhos. De repente, deparou-se com um Seat que lhe barrou a passagem.

Sem tempo de reacção, o enfermeiro viu sair da viatura dois homens armados de pistola e de cara destapada.

A vítima garante que durante várias horas circulou com o grupo armado entre o Porto e Leça da Palmeira. O CM falou com o lesado que não se mostrou disponível para prestar declarações por estar "ainda muito combalido".

Ao fim de três horas e depois de muitos quilómetros feitos, sem ser agredido, o homem de 43 anos foi largado na cidade de Matosinhos.

Os assaltantes não consumaram o carjacking, tendo deixado a vítima com o seu carro. Foi nessa viatura, e ainda bastante nervoso, que o enfermeiro apresentou queixa na esquadra da PSP mais próxima.

No relato feito aos polícias afirmou que não conhece os assaltantes. O caso já está entregue à Polícia Judiciária do Porto que ouviu o testemunho da alegada vítima.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)