Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Sequestrado por trio durante horas

Durante seis horas, um homem, de 29 anos, esteve sequestrado por um grupo de três indivíduos que o abordaram na cidade da Guarda e só o abandonaram em Canelas, Vila Nova de Gaia, na madrugada de ontem. Deitado no banco traseiro do seu próprio carro, manietado com o cinto de segurança da viatura, a vítima fez mais de 200 quilómetros, coagida com uma faca. O trio roubou-lhe os cartões multibanco, mas deixou-lhe a viatura.
11 de Junho de 2009 às 00:30
Vítima foi abandonada na rua das Lages, em Canelas, junto à saída da A29
Vítima foi abandonada na rua das Lages, em Canelas, junto à saída da A29 FOTO: Gisela Caridade

Ao que o CM apurou, o homem, delegado de propaganda médica, foi abordado cerca das 22h30 de anteontem numa rua da cidade da Guarda por três indivíduos de cara descoberta. Um deles apontou-lhe uma faca e obrigou-o a entrar para o banco de trás do seu carro, um Volkswagen Passat. Amedrontada, a vítima manteve-se quieta, enquanto um dos sequestradores conduzia a sua viatura.

Às autoridades policiais, o homem disse apenas recordar que um dos indivíduos conduzia um carro verde e outro um cinzento e que viajaram sempre em escolta ao carro em que seguia. O sequestro só terminou em Canelas, Gaia, cerca das 04h20. O homem foi abandonado pelo grupo na rua das Lages, junto da saída da A29. Foi nessa altura que teve de revelar os códigos dos seus cartões multibanco.

O trio terá depois estacionado o carro da vítima numa rua perto do local onde foi abandonada, tendo revelado que as chaves estariam escondidas "ali perto". Mas estas não foram recuperadas.

O homem foi encontrado por um distribuidor de jornais que passava na zona e o levou para o posto da GNR, tendo sido depois ouvido pela PJ, que investiga o caso.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)