Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Sete cães abandonados depois da morte do dono

Matilha, que integra algumas crias, vagueia pelas ruas e é alimentada pela população.
Ana Palma e Rui Pando Gomes 9 de Janeiro de 2017 às 03:00
Animais deambulam há cerca de três semanas pelas ruas de Armação de Pera e sobrevivem com a ajuda de populares
Animais deambulam há cerca de três semanas pelas ruas de Armação de Pera e sobrevivem com a ajuda de populares FOTO: Direitos Reservados
Uma matilha de cães abandonados - três adultos e quatro crias - deambula há cerca de três semanas pelas ruas de Armação de Pera. Os animais, cujo dono, apurou o CM, terá morrido alguns dias antes do Natal, têm vindo a ser ajudados por populares, que lhes dão água e comida.

Entretanto, está já a decorrer na internet uma campanha para promover a adoção dos animais, ao mesmo tempo que se fazem apelos às entidades oficiais para que sejam recolhidos e tratados.

A matilha desloca-se sobretudo entre a Via Dorsal da localidade e as Torres do Alto da Torre, até à zona de Vale do Olival. "Há pessoas e alguns restaurantes que alimentam os cães, que se vão mantendo por aqui", contou ao CM uma moradora, que se mostrou preocupada com a situação dos animais, sobretudo "dos pequeninos".

Contactado pelo CM, o presidente da Junta de Freguesia de Armação de Pera confirmou a situação. "Fui alertado para o problema e já comuniquei o caso às entidades competentes", disse ontem ao CM Ricardo Pinto, que na véspera tinha visto a matilha na Via Dorsal. "O veterinário municipal já por várias vezes veio a Armação procurar a matilha, para a recolher, mas sem sucesso", revelou ainda.
Armação de Pera Natal Ricardo Pinto cães animais abandono
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)