Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Sete pescadores de meixão constituídos arguidos

Sete homens suspeitos de pesca ilegal de meixão foram identificados e constituídos arguidos pela GNR, no âmbito de uma operação que permitiu a apreensão de 27 quilos de meixão, cinco embarcações, três viaturas, 22 redes e seis crivos, tudo num valor que ronda os 66 mil euros.
25 de Abril de 2009 às 00:30
Apreendidos 27 quilos de meixão, avaliados em 13 500 euros, e 22 redes
Apreendidos 27 quilos de meixão, avaliados em 13 500 euros, e 22 redes FOTO: Paulo Novais / Lusa

A operação, levada a cabo por uma centena de militares do destacamento de Controlo Costeiro da Figueira da Foz da GNR, começou ontem de manhã, aproveitando a subida da maré, e só vai terminar no domingo à tarde.

No primeiro dia foram realizadas sete buscas nas zonas de Ereira e Soure, que visavam combater a pesca ilegal de meixão – espécie protegida e comercializada a 500 euros o quilo – no rio Mondego, bem como apreender os meios utilizados naquela actividade.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)