Sindicato acusa ANTRAM de prejudicar negociações com Governo

Representante do SNMMP reconheceu que a falta de combustíveis "está a fazer o país entrar num estado de calamidade".
17.04.19
  • partilhe
  • 3
  • +
O sindicato que convocou a greve dos motoristas de matérias perigosas acusou esta quarta-feira a Associação Nacional de Transportadores Rodoviários de Mercadorias (ANTRAM) de estar a prejudicar as negociações com o Governo e apelou para que haja "bom senso".

"A ANTRAM é que está a bater o pé e diz que não negoceia enquanto estivermos em greve. Nós não desejamos este estado de calamidade. Por isso, sei que o Governo está a pressionar a ANTRAM para que se sente à mesa de negociações connosco", afirmou Pedro Henriques, do Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP).

O advogado que representa o SNMP falava esta manhã aos jornalistas na Companhia Logística de Combustíveis (CLC), em Aveiras de Cima, concelho de Azambuja, onde se encontram concentrados cerca de duas dezenas de manifestantes, vigiados de perto por uma coluna de militares da GNR.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!