Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Solidão arrasta idoso para a morte

Mário Fernandes encontrou a mulher morta em casa. Colocou flor no corpo e pôs fim à vida.
Magali Pinto,Paulo Madeira e Sara G. Carrilho 20 de Janeiro de 2015 às 12:20
Corpos de Judite e Mário Fernandes, de 84 e 77 anos, foram removidos pela PSP ontem à noite
Corpos de Judite e Mário Fernandes, de 84 e 77 anos, foram removidos pela PSP ontem à noite FOTO: Filipa Couto

O casal não era visto desde sexta-feira. A receberem apoio da Segurança Social ao domicílio, em Mem Martins, Sintra, os dois idosos foram ontem encontrados mortos. Tudo indica que Mário Fernandes, 77 anos, encontrou a mulher Judite, 84 anos, já sem vida e com medo da solidão acabou por matar-se.

O alerta foi dado às autoridades pelas 18h30 por funcionários do apoio domiciliário que estranharam o facto de os idosos não abrirem a porta. Bombeiros e PSP deslocaram-se à moradia numa zona isolada, no largo Rossio da Fonte. A ausência de lesões nos dois corpos e uma flor depositada sobre o corpo da mulher, deitado no chão, afastaram as hipóteses de homicídio.

A tragédia deixou em choque os vizinhos. "Conhecia o Mário, andava sempre na rua. A mulher saía muito pouco. Ele era muito válido, ia às compras, fazia tudo. Quando a Judite saía, ia sempre de braço dado com ele", contou ao CM Etelvina, vizinha. Alguns familiares, primos do casal, estiveram no local mas não quiseram ontem prestar declarações.

Os vizinhos descrevem Mário e Judite como um casal feliz, que andava sempre junto. "Eram felizes, brincavam, andavam sempre acompanhados", disse ao CM Maria Eugénia Conchinha. O casal vivia sozinho e os vizinhos que falaram ao CM não sabem se deixam filhos. Ontem à noite, continuavam a ser feitas diligências, mas tudo indica que Mário desistiu de viver após encontrar a mulher morta. Fonte da PSP confirma que a polícia acredita que a mulher morreu de causas naturais. Os corpos foram recolhidos pela equipa da auto maca da PSP e transportados para a Medicina Legal para ser feita a autópsia, essencial para confirmar as causas das mortes. Com as hipóteses de crime afastadas, a PJ não foi acionada.

morte idoso sozinho Mem Martins Segurança Social Sintra Mário Fernandes Judite PSP PJ Medicina Legal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)