Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Solitário armado assalta banco

"Por problemas técnicos estamos encerrados. Pedimos desculpa e agradecemos a compreensão". A informação foi colocada na porta de entrada da dependência do Millennium BCP, no largo Luís Augusto de Mascarenhas, em Algoz, Silves, minutos depois de ter sido assaltada, à mão armada, cerca das 13h30 de ontem.
13 de Agosto de 2011 às 00:30
O banco assaltado fica situado num largo, junto a um dos principais acessos de Algoz
O banco assaltado fica situado num largo, junto a um dos principais acessos de Algoz FOTO: Miguel Veterano

 

O assalto foi feito por um único indivíduo, que entrou no banco como se fosse um cliente e depois exibiu a arma de fogo, ao que tudo indica uma pistola. Roubou algum dinheiro da caixa – o valor não foi divulgado – e pôs-se em fuga.

Na vizinhança, o assalto passou despercebido. O ladrão terá rondado o local antes de actuar. Esperou pela reabertura do banco (que encerra para almoço, entre as 12h00 e as 13h00) e pelo fecho da loja de móveis que se situa ao lado.

"Não demos por nada, foi uma surpresa total", referiram ao Correio da Manhã populares que se encontravam num restaurante em frente. No banco, juntaram-se vários clientes, que não foram atendidos: "Ia depositar dinheiro, mas não pude entrar, disseram que tinha havido um assalto", referiram ao CM. A um funcionário que ia limpar o vidro da porta do banco foi pedido para "não fazer nada", de forma a que eventuais vestígios fossem preservados.

Contactada pelo CM, fonte do Millennium BCP disse "não haver quaisquer declarações a fazer sobre o caso". Compareceram no local a Polícia Judiciária, a quem compete a investigação, e a GNR de Silves.

assalto roubo algoz silves
Ver comentários